Português (pt-PT)
RSSLinkedInPinterestTwitterFacebook

Legumes

Ruibarbo

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

RuibarboO seu nome é no mínimo curioso e o sabor inconfundivel. A história do ruibarbo remonta à antiga China, país que lhe deu especial relevância pelas suas qualidades que ultrapassavam as de mero alimento. O então ruibarbo da China começou a ser cultivado por volta de 2700 a.C., com fins medicinas pela grande capacidade de regular as funções intestinais. Sabemos hoje com mais precisão que o ruibarbo tem não só esta função, como é também uma fonte de potássio, vitamina C e cálcio. O seu aspecto é imponente, com longos talos que se misturam entre o cor-de-rosa e o encarnado e grandes folhas achatadas que são na sua maioria verde.

Como alimento começou a ser utilizado por volta do século XIII, quando chegou à Grã-Bretanha. Ainda hoje é na Grã-Bretanha que se produz e consome a maior parte do ruibarbo. O ruibarbo tem utilizações especificas, pois apenas se podem utilizar os talos, deixando de parte as folhas. Muitos usam o ruibarbo em bolos, tartes, crumles, ou seja, na sua maioria sobremesas. Contudo, as utilizaçoes menos tradicionais são as de maior sucesso. A sua versão em chutneys, mousses, sorbets, compotas tem vindo a marcar as cozinhas modernas pela classe e sabor subjacentes. A Socilink disponibiliza o ruibarbo na compota de Ruibarbo e Laranja da sua representada Thursday Cottage.

 

Catálogo Socilink 2016/17

catalogo socilink small

Siga-nos no Facebook

Subscrever Newsletter



Receber em HTML?

Visitantes online

Temos 98 visitantes em linha

Estatísticas

Visualizações de conteúdos : 2227258